CATAS ALTAS
EDUCAÇÃO EM CATAS ALTAS
Obras do Centro Educacional são iniciadas em Catas Altas
17/06/2020 às 18:24:02
CATAS ALTAS (MG) - As obras para construção do tão esperado Centro Educacional tiveram início na última semana e devem durar em torno de 12 meses. 
O Centro é um dos maiores projetos do município e vai custar R$ 20.232.010,94, sendo R$ 447.314,56 (fiscalização) e R$ 19.784.696,38 (construção).
“É uma alegria muito grande poder ver esse sonho sair do papel. A educação é tudo para o desenvolvimento humano e econômico de um país. Somente um povo consciente e instruído poderá mudar o mundo”, celebra o vice-prefeito Fernando Rodrigues Guimarães.
O Centro Educacional está localizado em um terreno de 35.095,82 metros quadrados, na região central do município, próximo à escola estadual. 
Desse total, 10.355,82 metros quadrados serão de área construída. Outros 20.416,74 ficarão preservados.
Conheça um pouco desse projeto: 
O empreendimento vai funcionar como um grande complexo educacional, abrigando a cerca de 250 alunos da educação infantil (entre zero e cinco anos); 400, do primeiro ao quinto ano do ensino fundamental; além da parte administrativa da secretaria de Educação, centralizando todos os serviços educacionais. 
Os espaços serão divididos de acordo com as especificidades do público a ser atendido.
Na área reservada para a educação infantil e a creche, serão 12 salas de aula, biblioteca, berçário, lactário, sala de amamentação, sala de atividades, brinquedoteca e parque infantil. Tudo estará distribuído em dois pavimentos. 
O espaço do Ensino Fundamental será construído com três andares e será composto por 20 salas de aula, laboratório de informática para 25 pessoas, laboratório de ciências, biblioteca, sala multimídia para 80 pessoas e três salas para atendimento individualizado.
Por fim, a área destinada à parte administrativa e pedagógica terá sala para coordenação geral, sala para secretaria de educação, sala de apoio para servidores, sala de Atendimento Educacional Especializado (AEE), sala de psicopedagogia, sala de diretor, sala para vice-diretor, sala de reunião para 42 pessoas, secretaria escolar, recepção, sala dos professores e reprografia.
Além destes espaços específicos para cada público, o prédio ainda vai abrigar alguns de uso compartilhado. São eles: sala de expressão corporal, sala de artes, sala multimídia para 70 pessoas, sala de música, cantina e refeitório.
Também serão construídos estacionamento para uso da secretaria de educação, dispensa, almoxarifado, pátio de higienização, lavanderia, escritório para nutricionista e guarita de segurança.
Para completar, o Centro Educacional vai ser preparado, levando em conta todos os critérios de acessibilidade universal, de adequação ao clima e insolação, possibilitando o melhor conforto aos estudantes e demais usuários, sem custos excessivos de manutenção.
Além disso, as áreas externas serão projetadas como um grande jardim, de forma a se integrar visualmente à cidade, permitindo que os alunos possam desenvolver atividades ao ar livre, em contato com hortas e pomares.
“Realmente, este é um projeto arrojado. Não temos nada parecido em toda a região. Além da parte estrutural que é totalmente funcional, a área pedagógica é excepcional. Nosso objetivo foi criar uma edificação que pudesse ter, em função das soluções arquitetônicas, maior aproveitamento de espaços”, justifica a secretária de educação, Renata Soares.
O prefeito José Alves Parreira completa que esse é o projeto mais audacioso desta gestão. “Mas não poderia ser diferente. Acreditamos que a educação deve ser, sempre, prioridade. Quando entregue à população, os benefícios serão, rapidamente, sentidos, principalmente, pelos nossos alunos que terão a oportunidade de frequentarem um espaço adequado para o desenvolvimento da aprendizagem”, destaca Parreira.
Expansão – o projeto prevê expansão com a construção de um auditório para 300 pessoas e bloco esportivo com quadra poliesportiva; quadra de peteca; e vestiários.
Plano Plurianual - A construção do Centro Educacional foi o projeto mais votado pela população durante a votação do Plano Plurianual (PPA), que elegeu em 2017 as cinco ações prioritárias para os quatro anos. Ao todo, 16 ações estavam disponíveis para escolha.
Fonte e foto: Prefeitura Municipal de Catas Altas 
 




ÚLTIMAS NOTÍCIAS
LIVE SOLIDÁRIA
13/08/2020 às 21:26:34 Cantora itabirana Jhessy realiza “live solidária” neste domingo dia 16 de agosto

TREINAMENTO ESPECIALIZADO
13/08/2020 às 11:48:45 Policiais Civis da regional de Itabira se qualificam com curso de eficiência e técnicas em disparos com armas de fogo

TRÁFICO DE DROGAS
10/08/2020 às 15:59:39 PM de Santa Bárbara prende casal e apreende adolescente com drogas no bairro São Bernardo

MOTO RECUPERADA
10/08/2020 às 15:36:50 Moto furtada no Morro Santo Antônio é localizada ás margens da Barragem Santana em Itabira

TRÁFICO DE DROGAS
09/08/2020 às 15:08:04 PM apreende maconha e balança de precisão em casa denunciada por tráfico no Gabiroba

HOMICÍDIO EM NOVA ERA
08/08/2020 às 19:53:59 Homem de 52 anos é morto com golpe de faca durante briga com desafeto

HOMICÍDIO EM SANTA BÁRBARA
08/08/2020 às 18:17:12 Homem de 45 anos registra boletim de ameaça e é executado a tiros em Santa Bárbara









© FATOS DE MINAS 2020. Todos os Direitos Reservados. WEBMAIL
CNPJ: 30.223.105/0001/70
E-mail: contato@fatosdeminas.com.br |
Contato